sexta-feira, 20 de janeiro de 2017

A sessão foi convocada pela presidência da Casa para que os legisladores pudessem apreciar e deliberar sobre dois projetos de leis do Poder Executivo


Beka Rodrigues



A Câmara Municipal de Vereadores de Raposa, realizou na tarde desta quinta-feira 19, em caráter extraordinário, a primeira sessão do ano; o ato marcou o início dos trabalhos no legislativo raposense.

Os onze vereadores do município registraram presença. A sessão foi convocada pela presidência da Casa para que os legisladores pudessem apreciar e deliberar sobre dois projetos de leis, ambos oriundos do Poder Executivo.

Os projetos em pauta previam respectivamente, a criação do Diário Oficial do Município e a contratação temporária de funcionários públicos por parte do Executivo; os dois tiveram os pareceres favoráveis das comissões de legislação e de orçamento; e foram aprovados de forma unânime.

Para o presidente de Casa, Beka Rodrigues, a criação do Diário Oficial do Município visa proporcionar transparência aos atos poder Executivo e Legislativo; Já à possibilidade de contratação temporária de funcionários pela Prefeitura, garantirá manutenção dos serviços públicos.

Edital de convocação abaixo:





quinta-feira, 19 de janeiro de 2017

Também estiveram na reunião, os procuradores Justino da Silva Guimarães e Reginaldo Junior Carvalho



O deputado Roberto Costa esteve nesta quarta-feira (18) com o procurador-geral de justiça do Ministério Público do Maranhão, Luiz Gonzaga, para solicitar uma intervenção que restabeleça a ordem política-administrativa, no sentido de garantir o funcionamento dos serviços essências de saúde e educação para a população no município de Bacabal.


Também estiveram na reunião, os procuradores Justino da Silva Guimarães e Reginaldo Junior Carvalho.

De acordo com o deputado a situação indefinida na cidade, gera desconforto para a população que acaba sendo prejudicada com a falta de funcionamento administrativo, principalmente nas áreas de infraestrutura, saúde e educação.

“Por conta dessa indefinição política-administrativa no município de Bacabal, nós temos uma preocupação em relação à população. Hoje a cidade não tem prefeito legalmente, existe uma disputa na Câmara Municipal de dois grupos que fizeram uma eleição; e a cidade têm dois presidentes da Câmara, a justiça ainda não tomou uma decisão em relação a validação da eleição do legislativo, o que agrava o sofrimento da população. Mas em contra partida, a Justiça Federal, reconheceu que o verdadeiro presidente do legislativo é o vereador Edvan Brandão, que respaldado pelo regimento interno, encaminhou oficio à justiça informando a situação, e mediante a lei, acatou e decidiu que não permitiria que as contas do município fossem mexidas pelo “prefeito” que não foi reconhecido oficialmente pela Câmara”, esclareceu Roberto Costa.

Durante o encontro com o procurador-geral, o parlamentar explicou a que uma intervenção do MP seria necessário, principalmente, por conta dos funcionários que estão trabalhando e poderão não ter seus salários pagos por conta dessa indecisão.

“Vivemos uma situação de instabilidade, e de muitas dificuldades, e quem acaba sendo penalizado com tudo isso é a população de Bacabal, por essa razão, eu estou aqui pedindo ao procurador-geral, Luiz Gonzaga, uma intervenção do Ministério Público, no sentido de garantir que os serviços básicos e essenciais do município, como por exemplo, o pagamento dos funcionários públicos, sejam efetuados. E que não sejam suspensos por conta desse imbróglio político existente em Bacabal”, explicou o deputado.

O procurador-geral, Luiz Gonzaga, ouviu atentamente o deputado e assegurou que tomará medidas emergências, no sentido de garantir ao funcionalismo público o pagamento dos seus proventos. Tendo em vista que essa situação prejudica não somente os funcionários, mas toda a população bacabalense que acaba sendo penalizada pela falta de um gestor efetivo no cargo de prefeito.

Roberto Costa reforçou sua preocupação com a falta de gestão na saúde e educação, lembrando-o que a partir do próximo mês, milhares de alunos terão que estar nas salas de aulas.

“Se não existe prefeito legalmente, não pode existir secretários municipais, o que inviabiliza o funcionamento do sistema municipal de educação e a população fica a mercê sem ter a quem reivindicar por conta dessa indefinição”, declarou Costa.

Por fim, o deputado Roberto Costa demostrou profunda indignação com o sofrimento dos bacabalenses, e pela instabilidade econômica e política- administrativa do município.

“É inadmissível que essa situação continue indefinida. A justiça precisa tomar uma decisão imediata em relação à eleição da Câmara Municipal, porque a população de Bacabal não aguenta mais tanto sofrimento. Contudo, estamos confiantes que a justiça tomará as medidas cabíveis e emergenciais, para o restabelecimento da ordem no município
.



Na madrugada desta quinta-feira (19), uma forte chuva tomou conta da cidade de São Luís. Trovões, raios e muita, mas muita água. A chuva começou por volta das 22h, e não parou mais.

Com isso, muros de vários prédios da cidade desabaram e carros também foram atingidos.

Veja imagens de alguns estragos causados pela chuva na madrugada desta quinta-feira, ocorridos em condomínios dos bairros da Cohama e Turu:




quarta-feira, 18 de janeiro de 2017

Djalma Fonseca [à esquerda],   Bad  Breu [ à direita]

Parece que as coisas não andam tranquilas para as 'bandas'' comunistas em Raposa. Um dos cabos eleitorais mais aguerridos do grupo vermelho, Marcos Bad Breu, aparentemente não está digerindo muito bem a indicação de Djalma Fonseca, como o novo Secretario Municipal de Esportes.

Bad Breu já vinha demostrando descontentamento com a nomeação de Djalma, por meio de desabafos feitos  em rodas de conversas informais, mas sem se manifestar publicamente. No entanto, na tarde desta quarta-feira (18), Bad Breu emitiu uma espécie de Nota de Repúdio, alfinetando claramente o Secretário de Esportes.

Na nota, o cabo eleitoral afirma se envergonhar das atitudes do Secretário e o acusa de barrar os treinos de uma equipe de futebol sub-19, impossibilitando assim, o bom desempenho destes atletas em competições que irão disputar futuramente.

O secretário Djalma não perdeu tempo, e logo se manifestou pelas redes sociais. Emitiu um comunicado, onde afirma que Breu é mal informado e sempre se mete onde não deve.

Diz ainda que o estádio de futebol, Euclides Gomes, se encontra à disposição de todos, desde que solicitem por ofício, atitude que Breu não fez.

 Nota de Bad Breu ao Secretário de Esporte da Raposa 

Eu BadbreuX Estou Decepcionado e Envergonhado com Atitude do Secretário de Esporte da Raposa Nomeado pela Talita Laci. Leonardo e Jose Laci. O Secretario Barrar os Treinos do Sub 19. Aonde Vai Representar o Nosso Município de Raposa. Hem São Luiz e quem Sabe hem São Paulo. Barrou os Treinos alegando q o Representante do Sub 19 não tinha Feito um Ofício.

 Aonde o Msm Mandou q ele fosse Treinar com os Atletas. Na hra foi Barrado sendo Humilhado perante tdos os Atletas. Qual o Mal que o Representante do Sub 19/tah fazendo ao Município de Raposa hem Treinar os Atletas. Sem Nenhum Fins Lucrativos. Apenas querendo levar o nome do Município além Fronteiras. E aonde o Msm Secretário Libera o Campo pra Jogarem Pelada todas as Quantas e quinta-feiras. Isso e um Absurdo, Inexplicável um tipo de Atitude do Secretário de Esporte da Raposa.

 Nada contra a Pelada no Campo sim c atitude do Msm hem não qrer q a Raposa seja Participante do sub 19 do Maranhense. Isso e uma VERGONHA e Inaceitável esse tipo de atitude do Secretário. Olha as fotos da Pela de hj no Campo da Vila.


 Nota do Secretário de Esporte da Raposa

Sr. Bad Breu, como sempre mal informado e se metendo onde não deve, venho lhe dizer que  o Estádio da Vila Bom Viver, está a disposição de todos desde que façam solicitações através de ofício, essa pelada foi um herança que a gestão anterior deixou, os mesmos se reuniram e vieram conversar comigo entramos em comum acordo e decidimos através de ofício que as peladas de quarta feira acabariam e as mesmas só seriam permitidas nas quartas dia 04 de Janeiro, dia 11 e dia18.

 Em relação ao sub 19 falei com o Sr. Cauê que estaria disponível para ajudar no que fosse preciso, pedi ao mesmo que me entregasse o projeto e nada dele me entregar, marquei uma reunião na segunda dia 16 para apresentar o projeto dele e nunca que o Sr. Cauê me entregou o projeto. Quanto ao estádio para sua informação está sob responsabilidade do Secretário de Esporte, e simplesmente o Sr. Cauê marcou uma peneira por conta própria e levou o pessoal para o estádio, eu não fui comunicado que teria peneira no estádio e nem o Sr. Cauê avisou a ninguém. 

Vcs tem que aprender uma coisa não é porque o Estádio é público que qualquer um vai bagunçar, estou aqui a disposição para ajudar qualquer um, desde que seja respeitado todas as normas sem passar por cima de ninguém.
 Sr. Bad Breu da próxima vez antes de sair espalhando suas notas sem cabimento procure ouvir as duas partes.


Flávio Dino fez  a doação  de uma frota de ônibus escolares, em solenidade realizada no Palácio Henrique de La Roque


O comunista Flávio Dino fez um gesto como governador do Maranhão: fez a doação, ontem (17), de uma frota de ônibus escolares, em solenidade realizada no Palácio Henrique de La Roque.

De um total de 18 prefeituras beneficiadas com a frota de ônibus novos distribuídos pelo Governo do Estado, 8 foram para contemplar membros do PCdoB. Na relação dos 18 existe apenas um prefeito do PMDB.

Para Flávio Dino, os ônibus contemplam, “prioritariamente, regiões antes esquecidas por gestões anteriores”, ou seja, cidades esquecidas pelo governo Roseana Sarney (PMDB).

Desde que assumiu o executivo Flávio Dino já distribuiu 64 ônibus, onde prioriza também seus aliados, mesmo que não sejam no PCdoB, a exemplo de Cleomar Tema, prefeito de Tuntum e novo presidente da Federação dos Municípios do Estado do Maranhão. Abaixo a relação dos contemplados:

Fernando Falcão – Adailton Cavalcante (PDT).

Santana do Maranhão – Fransquin Tavares (PCdoB).

Bela Vista – Iguaracy de Oliveira Lima (PR).

Capinzal do Norte – Andre Portela (PCdoB).

Cururupu – Professora Rosinha (PCdoB).

Junco do Maranhão – Antonio Filho (PCdoB).

Pio XII – Carlos do Bine (PCdoB).

Arari – Djalma Melo (PTB).

São José de Ribamar – Luis Fernando (PSDB).

São João do Paraíso – Beto Regis (PCdoB).

Turilândia – Alberto Magno (PCdoB).

São Domingos do Azeitão – NomeNicodemos Ferreira Guimarães, o Nicó (PMDB).

Amarante do Maranhão – Joice Oliveira Marinho (PDT).

Fortuna – Arlindo Barbosa dos Santos Filho (PDT).

São Luiz Gonzaga – Francisco Pedreira Martins Junior (PDT).

São Francisco do Maranhão – Adalberto Rodrigues Santos (PCdoB).

Turiaçu – Joaquim Umbelino Ribeiro (PV).

Cajapió – João Bispo Serejo (PTdoB).


Ricardo Murad

O ex-secretário Ricardo Murad (PMDB) pretende disputar à Prefeitura de Coroatá-MA, caso tenha nova eleição no município.

Murad acredita que a Justiça Eleitoral irá barrar o resultado das eleições de outubro do ano passado, em que o candidato Luis da Amovelar Filho venceu a então prefeita Teresa Murad, esposa de Ricardo.

A defesa de Teresa ingressou na Justiça alegando vários abusos de poder do Governo do Estado, que apoio Amovelar Filho. Por isso, Murad tenta anular a eleição.

Pensando no futuro, o ex-secretário transferiu nesta semana o seu domicílio eleitoral para o município, já pensando em entrar na disputa eleitoral.


O Inep decidiu antecipar a divulgação, inicialmente prevista para quinta-feira (19)

Estudantes que participaram do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2016 podem acessar o resultado final das provas nesta quarta-feira (18). Isso porque o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) decidiu antecipar a divulgação, inicialmente prevista para quinta-feira (19).

No resultado, os candidatos poderão saber quanto tiraram em cada uma das quatro provas do Enem: ciências humanas, ciências da natureza, linguagens e matemática. Também terão acesso à nota da redação, cujo tema foi a intolerância religiosa no Brasil.

Correção do Enem é feita com base na Teoria de Resposta ao Item

A correção do Enem é feita com base na metodologia da Teoria de Resposta ao Item (TRI), que não estabelece previamente um valor fixo para cada item. O valor de cada questão varia conforme o percentual de acertos e erros dos estudantes naquele item. Assim, um item que teve grande número de acertos será considerado fácil e, por essa razão, valerá menos pontos. O estudante que acertar uma questão com alto índice de erros, por exemplo, ganhará mais pontos por aquele item.

No final do ano passado, cerca de 6 milhões de candidatos fizeram o Enem em todo o país. As notas da prova podem ser usadas para pleitear vagas no ensino superior público pelo Sisu, bolsas no ensino superior privado pelo Programa Universidade para Todos (ProUni) e para participar do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies). Além disso, os candidatos com mais de 18 anos podem usar o Enem para receber a certificação do ensino médio.

Contatos

WhatsApp:(98) 99609-7001
Email:adriannomais@gmail.com

Facebook

Publicidade: